Área do Investidor

Área do Investidor

A Ecoagro, a maior securitizadora do agronegócio brasileiro, fez a emissão de um Certificado de Recebíveis do Agronegócio (CRA) para Pisani Plásticos S.A., líder no mercado latinoamericano em soluções em embalagens retornáveis, com matriz e parque fabril em Caxias do Sul (RS) e outras duas fábricas em Pindamonhangaba (SP) e Recife (PE). A Aeté Capital atuou como assessor financeiro e estruturador da operação, a Oliveira Trust atuou como agente fiduciário, e a Vortx como custodiante e escriturador, além da assessoria jurídica dos escritórios Mello Torres e Franco Leutewiler Henriques.

O principal diferencial do CRA é a Certificação Verde emitida pela NINT, a maior empresa de Consultoria e Avaliação ESG da América Latina e Caribe; tendo em vista utilização de 1/3 de matéria-prima reciclada em toda a produção da Pisani. A emissão de série única tem prazo de seis anos com vencimento em fevereiro de 2029. O objetivo da operação é beneficiar os clientes do AGRO, entre eles produtores rurais e cooperativas, destinando recursos para aquisição de insumos necessários para produção de caixas; gaiolas para o transporte de aves, garrafeiras; pisos para suinocultura, dentre outros produtos de material retornável. 

Para Mathias Teixeira, diretor de inovação da Ecoagro, a operação impulsiona o avanço de soluções que promovem o aumento da produtividade no campo. “É um setor que está em transformação e atento ao uso responsável do material e as boas práticas ESG”, destaca.

O CEO da Pisani Plásticos S.A, Paulo Francisco Webber, declara que essa é a primeira emissão da empresa no Mercado de Capitais, elevando a marca a outro patamar de governança e das melhores práticas de mercado, além ser definitivamente um agente ativo e exemplo no cuidado com o Meio Ambiente. Essa operação mantém a atualização tecnológica da Pisani a níveis mundiais. 

Rodrigo Nery, sócio da Aeté Capital, comemorou o sucesso da transação: “Ficamos muito satisfeitos em conseguir viabilizar essa operação para a Pisani e contribuir para essa importante conquista da empresa. Ter uma companhia especializada no setor de reciclagem de plásticos e que recebe um certificado tão importante quanto este, atestando suas práticas sustentáveis, representa um avanço enorme para todo o setor”, comentou ele. 

Para Isabela Coutinho, gerente de finanças sustentáveis da NINT, a operação verde da Pisani é pioneira no setor reciclagem de plásticos, incentivando a prática realizada pela empresa. Apuramos que a operação está alinhada as categorias de 'economia circular' e 'prevenção e controle da poluição', previstas pelos Green Bond Principles. Ademais, a operação impacta os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS) 11 (Cidades e Comunidades Sustentáveis), 12 (Consumo e Produção Responsáveis) e 14 (Vida na Água). A prática de reciclagem também está alinhada a Climate Bonds Taxonomy.

 


Balanço patrimonial Exercícios findos em 31 de dezembro de 2021 e 2020
Balanço patrimonial Exercícios findos em 31 de dezembro de 2022 e 2021